webJudaica.Com.Br
Seu portal Judaico na Internet
23/May/2017
Iyar 27, 5777

Sign in with Facebook

Sionismo

Primeiros Ministros do Estado

David Ben Gurion (1948-1953)
Nasceu em Outubro de 1886 na Polônia; Faleceu em Dezembro de 1973 em Israel. Primeiro Primeiro-Ministro, e responsável pela decisão do estabelecimento do Estado. Liderou o país durante a Guerra da Independência, e os primeiros anos de imigração em massa.


Moshe Sharrett (1953-1955)
Nasceu em Outubro de 1894, na Ucrânia; Faleceu em Julho de 1965 em Israel. Foi Ministro do Exterior na primeira gestão do governo de Israel e foi eleito Primeiro-Ministro após a decisão de Ben Gurion de retirar-se para o Kibutz Sde Boker, no Neguev, até que Ben Gurion voltou à vida política em 1955.


David Ben Gurion (1955-1963)


Levi Eschkol (1963-1969)
Nasceu em Outubro de 1895, no Império Russo; Faleceu em 1969 em Israel. Anteriormente ocupava a influente posição de Ministro das Finanças no governo de Ben Gurion, para sucedê-lo após sua última renúncia.


Golda Meir (1969-1974)
Única mulher a ocupar este elevado cargo até hoje, indicada após a morte de Levi Eshkol. Foi Primeira Ministra durante a Guerra de Yom Kipur, mas foi forçada a renunciar em 1974, devido a fortes críticas públicas a respeito da conduta durante a guerra. Morreu em 1978.


Yitzchak Rabin (1974-1977)
(1o mandato) Quinto Primeiro Ministro de Israel, que anteriormente foi o Chefe de Estado e Embaixador nos Estados Unidos. Foi Ministro da Defesa durante os governos de Shimon Peres e Yitzchak Shamir de 1984 a 1990.


Menachem Beguin (1977-1983)
Sexto Primeiro Ministro de Israel, e o primeiro a encabeçar o governo em nome do partido direitista. Foi eleito após liderar a oposição no Knesset por 29 anos. Em 1978 assinou o histórico Acordo de Paz com o Egito, o primeiro com algum país árabe. Renunciou em 1983 e se retirou inteiramente da vida pública. Morreu em 1992.


Yitzchak Shamir (1983-1984)
Nasceu em 1915, no Império Russo. Foi membro do Irgun e do Lehi, antes da Independência de Israel. Eleito após a renúncia de Menachem Beguin. Anteriormente era Ministro do Exterior e Porta Voz do Parlamento Israelense - a Knesset.


Shimon Peres (1984-1986)
Oitavo Primeiro Ministro de Israel. Um dos mais velhos e experientes políticos do Partido Trabalhista Israelense, com reputação internacional. Depois de dois anos como Primeiro Ministro, desistiu de sua posição para Yitzchak Shamir, sob um acordo de rotação.


Yitzchak Shamir (1986-1992)
Em seu segundo mandato seu governo participou das conversas de Madrid, que levaram aos acordos de Paz em 1993. Ordenou o resgate dos judeus da Etiópia (Operação Salomão) e optou por não responder aos ataques dos mísseis Scud vindos do Iraque durante a 1a Guerra do Golfo.


Yitzchak Rabin (1992-1995)
(2o mandato) Assinou um acordo de Paz com a OLP de Yasser Arafat, em que a OLP reconheceria o Estado de Israel e Israel faria concessões territoriais em troca da paz. No dia 4 de Novembro de 1995, após haver assinado um Tratado de Paz com Yasser Arafat, foi assassinado por um jovem israelense ao término de um Ato pela Paz no centro de Tel Aviv.


Shimon Peres (1995-1996)
Em 1992 se tornou Ministro do Exterior sob o governo de Yitzchak Rabin, e após o assassinato deste último tomou seu lugar como Primeiro Ministro, até ser derrotado nas eleições de 1996.


Binyamin Netanyahu (1996-1999)
Nono Primeiro Ministro de Israel, escolhido aos 47 anos após as primeiras eleições diretas para Primeiro Ministro. Anteriormente representava Israel nas Nações Unidas e era Vice Ministro das Relações Exteriores no governo Shamir. Em 1993 foi escolhido como chefe do Partido Direitista, Likud, concorrendo com Peres nas eleições de 1996 e ganhando - contra a maioria das previsões - por uma porcentagem mínima.


Ehud Barak (1999-2001)
Eleito após um mandato incompleto de Bibi Netanyahu devido à insatisfação da população em relação ao não andamento dos Acordos de Paz. Durante seu mandato em 2000 apresentou uma proposta, em Camp David, para Yasser Arafat, em que oferecia mais de 90% das terras reinvindicadas pelos palestinos (exceto Jerusalem), mas teve sua proposta rechaçada. O fracasso desta negociação deixou o público israelense desconfiado das verdadeiras intenções de paz dos palestinos e abriu espaço para que um governo de direita se formasse.


Ariel Sharon (2001-2006)
Como Primeiro Ministro, Sharon realizou a retirada unilateral das tropas e dos civis israelenses da Faixa de Gaza, enfrentando a oposição de seu próprio partido e da direita israelense. No final de 2005 foi um dos fundadores do Kadima, um partido de centro, que tomou forças dos partidos Likud e Avoda. Por problemas de saúde (entrou em coma), Ehud Olmert assumiu de forma inteirina.


Ehud Olmert (2006-2008)
Como primeiro-ministro empreendeu duas guerras: contra o Hezbollah no Sul do Líbano em resposta a ataques de foguetes do contra civis nas cidades do norte de Israel, e outra contra o Hamas, na Faixa de Gaza, em resposta a ataques de mísseis e foguetes contra civis nas cidades do sul de Israel. Enfrentou também as ameaças iranianas negando o Holocausto e o direito de defesa de Israel, bem como acompanhou o polêmico inicio do desenvolvimento nuclear do Irã
Indique para um amigo!
Para continuar vendo o conteúdo deste site, você deve estar logado!
Utilize sua conta no Facebook ou feche esta janela.
Sign in with Facebook [Fechar]