webJudaica.Com.Br
Seu portal Judaico na Internet
22/May/2017
Iyar 26, 5777

Sign in with Facebook

Festas Judaicas (Chaguim)

Pessach

Pessach - A Ordem do Seder

A cada geração cada ser humano deve se ver como se ele pessoalmente tivesse saído do Egito. Pois está escrito: "Você deverá contar aos seus filhos, neste dia, "D'us fez estes milagres para mim, quando eu saí do Egito..." (da Hagadá)

Kadesh (Santificação)

Recita-se o kidush sobre o vinho, e bebe-se o primeiro copo, estando sentado e reclinado para a esquerda. Também recita-se a benção Shehecheianu, agradecendo a D'us por nos ter permitido chegar a este dia.

Urchatz (Lavagem)

Lavamos as mãos fazendo a água escorrer de um caneco, duas vezes em cada mão, começando com a direita, porém, sem fazer a benção. Urchatz se enquadra na categoria de coisas que se faz para atiçar a curiosidade das crianças.

Karpas

Pega-se um pequeno pedaço de karpas (batata, ou outro vegetal), e mergulha-se na água salgada. Então faz-se a benção "... bore pri ha'adamá", que também se aplica posteriormente ao maror, e come-se o vegetal. Mergulhá-lo em água salgada lembra-nos das lágrimas e do suor que o Povo Judeu tinha durante o longo período de escravidão. Assim como o urchatz, este ato atiça a curiosidade dos jovens.

Yachatz (divisão da matzá)

Quebra-se a matzá do meio em dois, embrulhando o pedaço maior e separando-o de lado para o Afikoman. Isto é o que as crianças esperam. Elas tentam "roubar" o Afikoman, e depois "negociam um resgate" para devolvê-lo.

Maguid (Conto)

É contada a história de como D'us nos salvou da escravidão no Egito e como foi o primeiro Pessach. O chefe da casa explica a história de maneira que todos possam entendê-la. Esta é a parte principal do Seder: a discussão sobre a saída do Egito, e o significado do termo cherut (liberdade).

Bebe-se o segundo copo de vinho, antes do Ma Nishtaná.

Rachatzá (Lavagem)

Desta vez lava-se as mãos também com o caneco, duas vezes sobre cada mão, começando com a direita, e faz-se a benção, como forma de preparação para comer-se a matzá. Esta é o procedimento para todas as refeições em que se comer matzá

Motzi Matzá

O chefe da casa levanta os três pedaços de matzá, fazendo duas brachot. As suas matzot de cima são quebradas e distribuídas.

Maror (Raíz forte)

Come-se, com a devida benção, a raiz forte, representando a amargura da escravidão e do trabalho pesado pelo qual os judeus passaram no Egito.

Korech (Sanduíche)

Faz-se um sanduíche de matzá, maror e charosset (que simboliza o barro utilizado pelos judeus em seu trabalho de construção no Egito).

Shulchan Orech (A Refeição)

Uma refeição festiva é servida. Não há nenhum requerimento especial quanto a esta refeição, com excessão do lugarzinho que deve ser reservado para o Afikoman, após a refeição.

Tzafon (Comendo o Afikoman)

Tzafon significa escondido. Neste ponto deve-se comer a matzá que havia sido 'escondida' para a 'sobremesa'. O objetivo é manter as crianças acordadas e atentas até esta parte do Seder, quando elas negociam a devolução do Afikoman em troca de algum presente dos pais.

Barech (Bircat HaMazon) (Prece após as refeições)

Faz-se a prece após as refeições agradecendo a D'us por tudo que recebemos e depois faz-se a brachá para o vinho e bebe-se o terceiro copo.

Bebe-se o quarto copo de vinho. Um quinto copo é preparado e colocado na mesa do Seder para o profeta Eliahu, que é esperado em Pessach para anunciar a chegada do Mashiach. A porta da casa costuma permanecer aberta, para permitir a entrada do profeta. Isto serve também para expressar nossa fé de que nada de ruim nos acontecerá na noite do Seder.

Há um outro motivo mais desagradável para manter a porta aberta. Durante a Idade Média, os judeus eram acusados dos assinatos rituais (matar jovens cristãos para usar seu sangue para fazer matzot). Apesar de absurda, esta acusação foi feita até o século XIX, resultando em centenas de manifestações e na morte de diversos judeus). Daí fica-se com a porta aberta, para que a mesa do Seder seja vista por todos sem desconfiança.

Halel (Salmos)

São recitados alguns salmos, para terminar a noite com alegria.

Nirtza (Ser aceito)

A finalização do Seder é feita com uma série de músicas e cantorias, sumarizando a fé que nos faz viver até os dias de hoje. Depois disso, deseja-se a todos "LeShana HaBa'á B'Ierushalaim" - que no próximo ano estejamos em Jerusalém, reconstruída, representando nosso esperança na chegada da Redenção Final e na vinda do Mashiach.
1 2 3 4 5
Somente usuários logados podem avaliar os textos

Indique para um amigo!
Para continuar vendo o conteúdo deste site, você deve estar logado!
Utilize sua conta no Facebook ou feche esta janela.
Sign in with Facebook [Fechar]